sexta-feira, 18 de novembro de 2011

TomTom Via 1400T – o GPS mil utilidades

Recentemente contei do lançamento da série VIA da Tomtom Tomtom no Brasil. Mas uma coisa é falar de um produto baseado em uma demonstração. Outra coisa é usar este produto por dois ou três meses. A experiência foi bem interessante e cá estou eu a dividi-la com os amigos leitores.


Inicialmente preciso destacar que a escolha por este modelo foi proposital. Havia modelos mais “glamorosos” entre os GPSs VIA apresentados e disponíveis para teste. Mas o 1400T cativou minha atenção por dois motivos principais. Seu pequeno tamanho (cabe no bolso) mesmo com um bom tamanho de tela e pelo atraente recurso de informações sobre trânsito. Abri mão de recursos como blutooth, conexão com celular (viva voz), tela grande de 5 polegadas e comando por voz de outros dispositivos (modelos 1500 e 1530).

A propósito eu gosto de submeter um GPS a situações extremas, quase “constrangedoras”. Assim fiz no texto Tomtom EASE e XXL – meu carro com 3 GPSs Tomtom EASE e XXL – meu carro com 3 GPSs onde falei novos modelos também da TomTom e usei 3 GPSs (um Garmin e dois TomTom) ao mesmo tempo em meu carro para compará-los.

Características do TomTom VIA 1400T

Olhem as duas fotos abaixo. Dá para ter a noção exata do VIA 1400T com seu sistema de fixação inteligente. Ele pode ser rotacionado 180 graus e colocado tanto no parabrisas como sobre uma superfície plana no console do carro. Para isso o dispositivo tem a “inteligência” de perceber como ele foi posicionado e inverte a tela apropriadamente. Até mesmo por isso  que não há um logotipo TomTom em destaque, para que este não ficasse eventualmente de ponta cabeça.

             TomTom Via 1400T - visão do sistema de fixação

          TomTom Via 1400T - visão lateral

Alternativamente a base de fixação pode ser retirada fazendo com que apenas a fina tela do GPS fique em suas mãos. Como verão adiante isso foi muito útil em determinado momento do teste.


Atualização de conteúdo

Ao contrário de outros modelos testados anteriormente o VIA 1400T não dispõe do software TomTom Home. Mas gerenciamento e atualizações estão garantidos por meio do aplicativo que é acessado no site http://www.tomtom.com/mytomtom . Por meio deste caminho se instala no PC uma pequena interface e cada vez que o VIA é conectado ao PC por cabo USB este verifica se há novos conteúdos disponíveis  como mapas, radares de trânsito, etc. É política da empresa fornecer o mapa mais recente ao comprador. Assim em um prazo de 30 dias da compra se a empresa lançar versão mais atual o proprietário tem atualização gratuita. E foi exatamente isso que aconteceu comigo. Duas semanas após começar a usá-lo, tive o alerta de que um novo mapa da região Brasil (que é o que vem no dispositivo)  estava disponível para download (cerca de 500 Mbytes).


Site de gerenciamento do TomTom VIA 1400T - MyTomTom

Falando em mapas, no meio do período de teste precisei de um mapa dos Estados Unidos, pois iria viajar para lá. Pelo próprio site o usuário pode adquirir novos mapas e este fica vinculado à sua conta. Há perto de 4 GB de memória interna. No meu caso o mapa do Brasil mais EUA ocupam 2.8 GB. Caso eu precisasse ter mais mapas e que estes não coubessem na memória, isto não é problema. Há um “slot” para cartão de memória do tipo mini-SD, que permite ampliar bastante a capacidade (há mini-SDs de 4, 8, 16 GB).


Os diversos aspectos do teste, precisão, trânsito, etc.

A cidade de São Paulo é perfeita para estressar um GPS. Seja por seu trânsito caótico, suas constantes mudanças, ruas pontes, túneis, mudanças de mão de direção, etc. A região na qual moro teve algumas conversões à esquerda recentemente proibidas. O TomTom dispõe em sua interface comandos para registrar correções. Após quebrar um pouco a cabeça com os comandos de correção, não são completamente amigáveis, eu “ensinei” ao VIA as novas conversões proibidas e nunca mais ele me sugeriu aqueles caminhos não mais permitidas. Além disso o sistema MAPSHARE da TomTom permite que estas correções apontadas pelos usuários sejam compartilhadas com a comunidade de usuários. Isso não é novo, outros TomTom que testei já tinham isso. Mas é digno de nota.

Nas fotos abaixo podem ser vistas algumas de suas telas com seus remodelados e simplificados menus.

                   TomTom VIA 1400T - visão dos menus 1/2


                      TomTom VIA 1400T - visão dos menus 2/2

Mas como funcionam as informações sobre o trânsito??

Inicialmente fiquei desapontado. Mesmo seguindo as intruções do fabricante, ligando o carregado veicular na tomada 12V do carro (ex acendor de cigarros) não funcionava. O cabo do carrgador contém um receptor de FM em frequências pré determinadas pelas quais chegam os dados de trânsito no GPS. Vejam  a tela abaixo. No lado esquerdo há uma barra  vertical com informações vitais sobre o trânsito.




             TomTom VIA 1400T - tela de navegação com informação de trânsito



O registro em vermelho indicando 3 minutos aponta o tempo que falta para chegar onde há algum problema (obra, colisão, etc.). Na parte de cima fica registrado o tempo total de atraso previsto. Genial a interface pois comunica muito bem a informação!

Mas porque fiquei desapontado? Eu recebi o aparelho para testes cerca de duas semanas antes de sua chagada às lojas. Por isso eu imagino que o serviço ainda não estivesse operando de forma plena. Demorou quase um mês para aparecer aquela tão esperada barra de informações.

Mas quando apareceu foi uma maravilha!! Descobri uma opção no aparelho que ao planejar uma rota leva em conta a fluidez do tráfego e muda o percurso para minimizar os atrasos. Genial, e funciona!! Várias vezes indo para lugares que eu já sabia ir (mas usando o GPS para colocá-lo à prova) eu obtinha sugestões de caminhos diferentes.

O que percebi é que a precisão das informações sobre o trânsito estão melhorando com o passar do tempo. No começo às vezes entrava em um caminho congestionado em São Paulo que não fora detectado pelo VIA 1400T. Mas agora este tipo de situação tem sido menos frequente.

Uma experiência diferente com o tráfego

Como disse também usei o TomTom VIA 1400T em uma viagem aos EUA. Um dos lugares que estive foi Washington (capital). Fiquei impressionado com a riqueza de detalhes das informações de trânsito. Na tal barra lateral por vezes mostrava 3 ou 4 “incidentes” o com boa frequência novos caminhos eram calculados.

Mas o que mais me impressionou está registrado nas duas fotos abaixo. Observem com atenção :



TomTom Via 1400T - visão de trânsito real e o GPS


         TomTom Via 1400T - visão das duas pistas com tráfegos diferentes



A qualidade da foto não é muito boa pois foi tirada com meu celular com o carro em movimento, mas dá para mostrar o que quero destacar. Na primeira foto eu estava andando na pista da esquerda, a qual estava livre e desimpedida. A pista da direita estava completamente parada. Agradeci a todos os santos por ter escolhido ao acaso a pista da esquerda...

Na segunda foto, na qual destaquei apenas a tela do GPS o que se observa? Uma linha vermelha representando a pista que eu estava e ao lado uma “minhoca” branca e laranja que é o indicativo de trânsito parado. Ou seja, o sistema de informações de trânsito do TomTom (nos EUA) é minucioso a ponto de mostrar esta informação, extremamente sutil e ao mesmo tempo vital!! Muito bom. Eu atesto que as informações que obtemos no Brasil são boas, mas não chegam hoje a este nível de detalhes. Mas há potencial de chegar neste nível.

GPS como mapa de mão??

Tive oportunidade de usar o GPS de uma forma inusitada e muito interessante. Mas tive que superar alguns obstáculos. Nos EUA estive também em New York em viagem a trabalho com apenas algumas horas de tempo livre para caminhar pela cidade. Tive a ideia de usar o VIA 1400T como um “mapa de mão”. Destaquei sua base ficando apenas com a fina tela a qual cabia muito facilmente em meu bolso. O plano era usar além das “rotas” planejadas (que podem ser ajustadas para quem está a pé e não de carro) o recurso “pontos de interesse” do GPS. Assim poderia localizar caminhos para cinema, farmácia, museus, restaurantes diversos, teatros, lojas... Sensacional. Existe este recurso também no mapa do Brasil com atualizações periódicas

New York foi a primeira cidade que usei o GPS nos EUA. Assim ao ligar o aparelho sabia que demoraria um pouco para obter o sinal e começar a usá-lo. Amante da tecnologia que sou nem me preocupei em ter um mapa (papel) comigo. O TomTom faria esta função. Mas qual não foi meu susto ao esperar, esperar, esperar... e não obtinha sinal. Não funcionava!! Fiquei meio deseperado pois estava totalmente dependente do aparelho para perambular pela cidade!!

Vou resumir a história e já explicar o que aconteceu. New York tem ruas estreitas e prédios altos. Assim o sinal dos satélites chega ao solo com intensidade fraca. Mas havia taxistas aos montes usando GPS. Porque só o meu não funcionava?? Frustração total! Minha mão já suava de nervoso segurando o GPS. Sentei em um banco de praça , coloquei o GPS longe de mim pelo menos um metro e meio de distância sobre o banco e dessa forma aguardei por dois ou três minutos. Bingo!! Imediatamente ele reconheceu que era outra localidade e informou que deixaria de usar o mapa do Brasil e usaria o mapa dos EUA. Desta hora em diante funcionou perfeitamente com algumas perdas momentâneas de sinal em ruas muito “fechadas”, mas não mais que 5 ou 10 segundos sem sinal.

Mas porque tive dificuldade? O ser humano tem a capaciade de causar interferência (positiva ou negativa) com ondas de rádio. Quem já não teve a experiência de colocar a mão sobre uma antena de rádio ou TV e fazer a imagem ou som melhorar ou piorar? Como o sinal do GPS em New York é fraco (prédios altos e ruas estreitas) o fato de eu ficar deseperadamente com o GPS na mão, como o citado “mapa de mão”, este não conseguia obter o sinal que o permitisse começar a funcionar.

Mas depois disso foi “só alegria”. Usei por horas e horas o VIA 1400T, andei mais de 15 quilômetros pela cidade, foi uma maravilha.

Autonomia da bateria

Por causa da funcionalide de informaçoes sobre trânsito muito provavelmente o dono de um VIA 1400T não vai querer usá-lo desconectado da fonte de energia sob pena de ficar sem informações. Mas não dava para usar o carregador veicular ao caminhar a pé por New York. Assim pude aferir com precisão a duração da bateria. Obtive um pouco mais de 2 horas e 15 minutos de autonomia. Isso é um pouco menos que o TomTom XXL que testei no ano passado (perto de 3 horas e 40 minutos). Mas alto lá!! Como fiquei horas andando em New York a pé ?? Isso já é outra história. Quem lê meus textos com frequência sabe que testei o “C3 Charger Pro UC-8000 – energia portátil abundante para seus dispositivos”.  Foi assim que o TomTom sobreviveu por quase 8 horas de caminhada.


CONCLUSÃO

Eu acertei na minha decisão ao optar pelo TomTom VIA 1400T para fazer o teste em detrimento a outros modelos também bem interessantes (mas maiores e com outros tipos de recursos). Este teste foi pura diversão. Quantas e quantas vezes dirigia para locais que sabia o caminho, mas usava sempre o GPS. Era agradável e útil acompanhar os dados de trânsito. Se não são anda tão ricos como os que vivenciei com este mesmo aparelho nos EUA, os dados de tráfego no Brasil (em São Paulo) eram sempre muito valiosos e providenciais.

Seu tamanho diminuto, “de bolso” (mesmo com o sistema de fixação ou ainda menor sem este aparato) facilita muito seu uso. Não pensava duas vezes. Usava todos os dias sem exceção. O processo de atualização de mapas e mesmo compra de mapas novos é muito simples (e acessível – um mapa dos EUA custa algo entre US$ 59 e US$ 69 – dependendo do tipo de mapa).

Tive a oportunidade de usar o suporte técnico e fui positivamente surpreendido. Acidentalmente interrompi uma atualização e esta não mais aparecia para continuar sua instalação. Usando o site eu descrevi o problema em um formulário e poucas horas depois (!!!) recebi um e-mail com detalhadas instruções como proceder e a atualização (semáforos e radares de velocidade) foi feita com sucesso, graças à intervenção do suporte.

Nos dias de hoje que telefones celulares têm GPS porque alguém compraria um dispositivo como este VIA cujo preço sugerido é de R$ 699? Fácil de responder. Se você cai e sua perna dói o que é melhor? Consultar um clínico geral ou um ortopedista? Penso que esta é a diferença. E este pequeno VIA 1400T me conquistou de fato. Há espaço para melhorias nas informações de trânsito no Brasil. O intercâmbio de dados via Mapshare ainda está devagar para a série VIA. Mas penso que este modelo vale a pena ser considerado por quem está em busca de um GPS “básico”, de tamanho pequeno e mesmo assim muito verstátil, seja no carro ou na mão como na minha história!

                            TomTom VIA 1400T

98 comentários:

  1. Meu pai quer um GPS, então esse se tornou candidato nº 1 a presente de Natal...
    O que vc diria para um usuário idoso com dificuldades tecnológicas? Interface padrão como outros similares? "Dificuldade" normal para operar?

    ResponderExcluir
  2. Caro Toki este GPS é de uso muito fácil. Os menus com ícones grandes e o fato de ser touch ajuda muito. Acho que seu pai vai usar facilmente. Abraços

    ResponderExcluir
  3. Apesar de novo, o produto está defasado para o Brasil - São Paulo - SP. O Cumprimento do a que se propõe, alerta de trânsito, não funciona como esperado. Os alertas de limite de velocidade estão defasados e alguns não existem. - Percebo que não estão preocupados com a qualidade do software.

    ResponderExcluir
  4. Flavio, Tudo bem? Eu estou super desapontado com o TOMTOM Via 1400T, que escolhi exatamente pelo sistema de transito e, para minha surpresa, nao funciona como eu esperava. Em 90% das vezes, ele encontra uma frequencia e permanece sintonizado, mas nao acusa quase nenhum transito. Esperava muito mais. Voce saberia me dizer quais frequencias funcionam em Sao Paulo, para que eu possa sintoniza-las manualmente?

    ResponderExcluir
  5. Sobre a precisão das informações do transito, o que eu acabei descobrindo foi que o sistema RDS-TMC é um sistema que usa pouquíssima banda, mas a resolução e a quantidade de informações é bem limitada. O sinal é apenas uma mensagem de 37 bits, sendo 16 para o local, 11 para identificar o tipo de evento e o resto para outras coisas. 16 bits para o local significa que apenas 65536 pontos do mapa são informados, ou seja só é possível informar algo como "Acidente na Avenida Rebouças entre o número 1000 a 1500" e não coisas como "Av. Rebouças está com velocidade média de 10 Km/h no sentido norte sul". Ou seja, se não aconteceu um acidente ou outro evento, o RDS-TMC não informa nada. Além disso existem inúmeras vias que não estão mapeadas neste grid de 65536 posições, ou seja, se acontecer algum evento nestes lugares, nada é informado também. Eu acho que informações de transito só serão viáveis quando estes aparelhos usarem uma conexão 3G.

    Outra coisa, é possível atualizar os radares a partir dos arquivos gerados no site maparadar.com, mas infelizmente o Via 1400T não permite mudar os ícones dos pontos de interesses criados por usuários, logo quando estes radares cadastrados aparecem só é mostrado um ícone genérico, sem informar qual a velocidade máxima do mesmo, mas é melhor do que não ter aviso nenhum.

    ResponderExcluir
  6. Só corrigindo o meu comentário anterior, é possível alterar os ícones dos ponto de interesse de usuário sim, basta carregar arquivos com a extensão .BMP com exatamente o mesmo nome do arquivo de pontos de interesse.

    ResponderExcluir
  7. Oi Marcelo, que satisfação ter um comentário seu aqui no meu blog. Eu concordo que com 3G o GPS teria mais condições de ter informações de tráfego. Mas quando o utilizei nos EUA, em Washington foi IMPRESSIONANTE a riqueza de detalhes e informações que obtinha. Cito isso no próprio texto. A limitação de memória deve ter sido contornada com a leitura apenas da informação NA ROTA e não na cidade toda. E quanto aos radares,eles permitirão correções e acréscimos, mas ainda não está funcionando. E tem que mudar a velocidade pois tem vários pontos que em São Paulo caiu de 60 para 70 Km/h.
    Grande abraço

    ResponderExcluir
  8. Oi Vitor vou te contar uma coisa. O sistema de trânsito do TOMTOM está NESTE MOMENTO (há uma semana pelo menos) com instabilidade. Ou não conecta ou conecta e não acrescenta dado algum. E olha que quando eu testei estava bem legal, não tanto como em Washington, mas estava legal. É uma pena ter esta variação no nível do serviço...
    Abraços

    ResponderExcluir
  9. Caro Carlos Leite, conforme respondi acima de fato estou observando uma flutuação na qualidade do serviço das informações de trânsito. É pena pois o aparelho é ótimo, o serviço que precisa melhorar.
    Obrigado por sua participação. Abraços

    ResponderExcluir
  10. Olá Flavio, como vai? Dei uma lida em todos seus comentários sobre os Gps, assim como, de seus testes (XXL,EASE e Garmim). Adorei sua matéria! Quando estive fora (Japão), dirigi várias vezes com ajuda do GPS desde os meados dos anos noventa e foi ótimo!Não falhava uma! Desde que voltei (final de 2002)estou sempre à pesquisa para ver se houve melhorias...Na sua opinião, dentre todos estes, qual o aparelho com melhor visualização da rota, com atualização de radares, melhor mapeamento, “Quick GPS Fix”, IQ ROUTE, etc...Digo, o mais completo, de fácil manuseio e menos complicado? Pergunto, pois não sou muito boa no que se refere "localização e direção" e portanto preciso de um que tenha precisão e com boa orientação (voice). Desde já, agradeço. Obrigada.

    ResponderExcluir
  11. Cara Anônima obrigado por suas palavras e por seu comentário. Olha, eu já testei vários modelos. Normalmente o último testado supera os demais. Se você gosta de aparelhos pequenos, esse TomTom 1400T é super legal, tem tudo que você me perguntou. Recomendo. Se preferir um maior o XXL é o indicado.

    ResponderExcluir
  12. e o reflexo do sol na tela do gps, atrapalha a leitura?

    no tomtom q uso (apesar de estar com brilho no máximo) atrapalha muito. e a consumer reports afirma q no garmin isso não acontece.

    ResponderExcluir
  13. Caro Anônimo, não tive problema algum com a luminosidade. E nem uso no brilho máximo. Já testei GARMIN e TOMTOM, em nenhum deles esta situação de brilho foi problema. Obrigado por sua participação.

    ResponderExcluir
  14. Olá Flávio, tudo bem?

    Comprei recentemente este GPS TomTom VIA 1400T mas tenho uma dúvida: o serviço QuickGPSFix funciona para este aparelho? Percebi que mesmo atualizando o conteúdo do GPS pelo site o mesmo demora alguns minutos para conectar aos satélites.

    Muito obrigado e um bom ano para você.


    Abraço,

    Alexandre

    ResponderExcluir
  15. Caro Alexandre obrigado pela participação na discussão. Este modelo não tem o QuickGPSFix, é uma outra linha da TomTom. Na minha experiência teve dias que o sinal de fato demorou mais do que eu gostaria, mas na média pegava o sinal em 1 a 2 minutos após sair da garagem. Abraços

    ResponderExcluir
  16. Eu tinha um TOMTOM ONE que através da minha conta atualizava quase que diariamente Mapas, radares etc.. Como precisava de um GPS com informação de trânsito, adquiri um TOMTOM VIA 1400 T - TOTAL DECEPÇÃO.

    Eis os contras:
    1. O Mapa só é atualizadO e/ou corrigido gratuitamente uma vez, dentro dos primeiros trinta dias da primeita ligação;
    2. Da mesma forma acontece com os radares e aí é que eu acho um absurdo, na medida em que no Brasil ocorrem muitas mudanças em curto espaço e tempo e não se tem NUNCA o arquivo de radares atualizado, o que se constitui em perda total da funcionalidade.
    3. O software de atualização - o tal My TomTom - não está totalmente desenvolvido, como já está o Home, e, então, não serve para absolutamente nada, a não ser aquela já mencionada atualização inicial dentro dos primeiros trinta dias.
    4. Ao contrário do ONE, o VIA 1400 T não contempla o "QuickGPSFix";
    5.o modelo TomTom série VIA só consegue ser atualizado via "My TomTom". Isso quer dizer que você terá acesso apenas às informações disponibilizadas pela TomTom, não sendo possível utilizar fontes externas de atualização. O resultado é há um número infinitamente inferior de radres estocados. Por exemplo, a lista atual da TomTom conta com aproximadamente 6 mil radares, já a fonte do GARMIN contém mais de 49 mil radares.

    Ora, para quem tinha um TomTom One e quiz fazer um upgrade, prestigiando a marca, para um sistema superior - com informação de tráfego - inclusive custando o dobro do preço, acabou por "dar com os burros n'água", não alcançando o que queria e, pior, perdendo o que antes tinha.
    Só resta migrar para o GARMIN.

    ResponderExcluir
  17. Boa tarde Flávio!
    Na sua análise você comentou: "Alternativamente a base de fixação pode ser retirada fazendo com que apenas a fina tela do GPS fique em suas mãos".
    Poderia explicar COMO se faz isto, pois tentei no meu e não consegui.
    Um abraço e obrigado.

    ResponderExcluir
  18. Graaaaaaaaaaande Celso, que prazer ter seu comentário aqui!!!
    Acho que algumas de suas observações valem comentários adicionais. No começo o serviço de trânsito foi uma decepção. Passado algum tempo funcionou, mas NUNCA como usei nos EUA. Lá foi SHOW e aqui foi entre razoável e bom. Algumas pessoas que têm este GPS me disseram que as informações de trânsito tiveram queda de qualidade ou ficaram desligadas de novo. Isso é muito ruim!!

    O velho e bom GPSquickFix era uma boa para agilizar o tempo de obtenção do sinal. Citei no texto que algumas vezes tive um retardo grande para começar a usar o serviço, mas foram poucas vezes. Mas é um ponto NEGATIVO em relação a outros GPSs da própria TomTom.

    Eu questionei a empresa sobre as atualizações da "comunidade" chamadas de MapShare, que consiste as atualizações que as pessoas (usuárias) fazem sobre ruas, conversões permitidas ou proibidas, velocidades de radares, novos limites de velocidade... No site, pelo My TomTom isso está há meses como indisponível. Se isso não se ajustar eles estarão matando o próprio produto, dando um tiro no próprio pé!! Que seria uma pena pois o dispositivo é bom, funciona bem.

    Sobre os mapas, a atualização gratuita é garantida pelos primeiros 30 dias, falei disso no texto. Depois disso só obtendo (e pagando) pelo próprio site. É a política comercial deles.


    E finalmente sobre desmontar a base do GPS de seu corpo, se você fizer pressão, com cuidado, vai destacar a base que tem uma "bola" que é a parte que fica no encaixe e é responsável pela rotação do GPS sobre a base. Tem um pequeno chanfro que para recolocar deve ser usado pois facilita o re-encaixe da peça.

    Grande abraço

    ResponderExcluir
  19. Olá Flávio. Confesso que com a sua postagem já poso ver alguma luz no fim do tunel pois estou completamente perdido na minha nova compra de GPS.
    A minha dúvida está entre as principais diferenças entre o VIA 1400 e o GO 630.

    Pois estou analisando estes dois modelos, tem preços similares mas não consegui encontrar os prós e contras.

    Agradeço se puder ajudar-me, parabens pela postagem, riquissima em detalhes.

    ResponderExcluir
  20. Caro Du Arantes super obrigado por suas palavras. Eu ficaria com o VIA 1400, por conta de seu diferencial que é informações sobre o trânsito. Porém nestes dias sei por pessoas que usam o 1400 que não está funcionando este recurso. Ambos são parecidos no preço e no tamanho, como você disse. Com o recurso de trânsito OK, compraria o VIA.

    ResponderExcluir
  21. Muito obrigado Flávio Xandó pela grande ajuda.
    Acredito que esse sistema logo estará mais "ajustado" com o passar do tempo, bem como a substituição do novo sistema de troca de informações para atualização de compartilhamento entre os usuários TomTom, ao que parece, migrará para a nuvem.

    Melhor eu ja estar um passo a frente então.
    Assim que eu estiver com o aparelho, compartilharei as minhas experiencias aqui no seu post Flavio. Muito obrigado.

    ResponderExcluir
  22. Isso mesmo Du, se conseguirmos criar uma "mini-comunidade" sobre o assunto aqui, podemos manter a discussão acesa com informações, dicas, reclamações, etc. Eu o aguardo!! Muito obrigado!

    ResponderExcluir
  23. Olá Flávio. Parabéns pelo blog. Estou há tempos pesquisando pra comprar um GPS e estou bastante interessado no TomTom Via 1400T. Já li bastante sobre os problemas dele de atualização e busca de sinal. Gostaria de saber o que você acha disso atualmente? Se ele ainda continua com esses problemas ou se já foram corrigidos?

    Muito obrigado e aguardo resposta.

    ResponderExcluir
  24. Oi Jonas, obrigado por prestigiar meu blog.
    Em relação ao 1400T eu tenho um e sigo usando. Pegar sinal demora entre 20 segundos e 4 minutos. Depende do dia. Quando demora é bem chato. Mas tem acontecido pouco. O que tem me incomodado é o sistema de informações sobre trânsito que já faz um bom tempo que não está funcionando. Fora estes dois pontos eu uso direto o GPS e estou satisfeito com ele. Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Flávio, muito obrigado pela resposta. Então, agora estou em dúvida entre o XXL 540S e Via 1530. Ambos com 5". Fico com medo de comprar o Via por causa dessa demora no sinal e ficar arrependido por ele ser bem mais caro. O q vc acha? Abraço.

      Excluir
    2. Oi Jonas. Sinceramente acho que os dois são ótimas opções.
      O XXL tem uma coisa que pode ser um pouco melhor. O software TomTom Home permite além de gerenciar o dispositivo (como o site MyTomTom da série VIA), tem a funcionalidade GPS QuickFix que manda para o GPS as posições atuais dos melhores satélites, acelerando o processo de obtenção do sinal. O VIA terá isso também, mas pelo que sei ainda não tem. Abraços

      Excluir
  25. Prezados,
    Acabei de comprar um 335T (pseudo tráfego - TMC igual ao 1400T). E achei esta mensagem:

    http://www.meutomtom.com.br/forum/index.php?/topic/108-rds-tmc-frequencia-de-radio-manual/

    Me senti roubado e enganado.

    At.
    Claudio


    "Assunto
    Informação de Trânsito

    Encadeamento de Discussão
    Resposta (Gabriela C. (PT)) 23/03/2012 01:29 p.m.
    Estimado(a) Rogerio Souza,

    Obrigada por entrar em contato com o Suporte ao Cliente TomTom.

    O número de referência para este incidente é o XXXXXXXXXXXXXXXX.

    Lamentamos informar que, infelizmente, o nosso parceiro na prestação do serviço de tráfego no Brasil fechou suas portas.
    Isto significa que não será possível fornecer ao seu dispositivo as informações de trânsito através da antena RDS-TMC.
    Pedimos imensa desculpas pelo inconveniente causado.
    A fim de compensá-lo, gostaríamos de oferecer-lhe um ano grátis de actualizações de mapas (Equivalente à 4 novos mapas, num valor total de R$ 544,00).
    Para que possamos compensá-lo, pedimos a gentileza de responder este e-mail com uma cópia digitalizada da Nota Fiscal do seu TomTom.
    Em nome da TomTom, agradecemos-lhe por sua compra e esperamos que aproveite suas atualizações gratuitas do mapa.

    Com os melhores cumprimentos,

    Gabriela C.
    A Equipe de Assistência ao Cliente TomTom "

    ResponderExcluir
  26. Bom dia Flavio, estou pesquisando sobre os produtos da Tom Tom e fiquei entre o XL 335 e o Via 1400. Qual voce me indica, levando em consideraçao que meu uso e em cidades pequenas e em viagens esporadicas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caro Anônimo, é complicado indicar um que seja o perfeito para você. Eu tenho um Via 1400 e adoro. Só os dados de trânsito que estão indisponíveis neste momento no Brasil, mas voltarão em breve. O Via é pequeno, cabe no bolso e tem todas as funções importantes de que preciso.

      Excluir
  27. Caros amigos, tenho o via 1400 ha cerca de 8 meses e nunca funcionou o sistema de informações do transito, mesmo morando proximo a vila mariana...e circulando com frequencia pelo ibirapuera, 23 de maio, etc......é pura enganação, um apelo de venda que nao funciona.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caro Edison super obrigado por prestigiar este blog com o seu comentário. Cerca de meses atrás a TomTom interrompeu o contrato com a empresa que prestava este serviço para ela porque a dita empresa interrompeu suas atividades no Brasil. Estive com uma pessoa da TomTom em julho e ele me disse que estão em processo de contratar outra para suprir os dados de trânsito. Isso é ruim, bem ruim e eles estão cientes da frustração dos consumidores. Por outro lado eu usei o serviço no começo em São Paulo com sucesso e também em New York, Washington, Madrid e Lisboa e o nível das informações é surpreendentemente bom. Precisa agora disponibilizar novamente o serviço no Brasil para que os consumidores como você não fiquem "à pé" e frustrados (com razão).

      Excluir
  28. Ola xandó agora estou com mais duvidas ainda sobre os gps via 1400 e o xll540s.qual devo comprar qual realmante é o melhor sera que o via 1400 resolvera esse defeito de não mostrar o caos do transito

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sobre a falta das informações de trânsito executivo da TomTom me falou da interrupção do contrato e da intenção em ter rapidamente outra empresa. Sobre qual escolher é algo muito pessoal. Eu me encanto com a tela do 540s mas por outro lado adoro o VIa 1400 por caber no bolso. Viu como é pessoal? Eu tenho um 1400 e adoro.

      Excluir
    2. Boa tarde Xandó. Sobre este assunto, acho interessante compartilhar as informações que me foram repassadas pela e-motion (representante da Tomtom no Brasil)no dia 06/08/2012. Estas informações podem ser uteis para as pessoas que estão em dúvida sobre a aquisição do GPS Tomtom via 1400 T ou de outro modelo sem o serviço de transito (RDS-TMC). Infelizmente o serviço de transito no Brasil deve ainda demorar para "decolar", se "decolar". Vale ressaltar e esclarecer que este serviço não é provido pelo fabricante do Aparelho GPS. Nos EUA e na Europa, a transmissão de dados de transito é efetuada por diversos agentes, tais como estações de rádio, o próprio governo (depto de transito, empresas privadas, etc). Recentemente questionei o suporte da Tomtom referente a venda avulsa do receptor RDS-TMC, uma vez que possuo um modelo Via 1530; além do "velho" e excelente Tomtom ONE XL; que permite a utilização da funcionalidade do serviço de transito. No questionamento, inclusive citei que outros fabricantes de GPS (Mio e Aires) estavam vendendo o referido receptor como acessório, enquanto a Tomtom não oferecia esta opção. Abaixo, segue a transcrição da resposta dada pelo representante da TOMTOM no Brasil:

      ""Infelizmente a E-Motion do Brasil não tem previsão para a venda do receptor avulso visto o serviço para a TomTom estar indisponível neste momento. Inclusive nós haviamos trago 2 modelos TomTom (XL 335T e VIA 1400T) que deixaram de ser comercializado por nós em razão da indisponibilidade do serviço.
      Serviço este que era o mesmo prestado para a Mio e Airis.""

      Deste forma, hoje no mercado nacional, somente as marcas Garmin e Magellan possuem o serviço de informações de transito em tempo real, que é provido pela Nokia/ Navteq, provedora de mapas desta marca.

      Excluir
    3. Sérgio sua colaboração é fantástica!! Informação fresquíssima e muito relevante. Pena para a Tomtom se não tem este serviço que é um super diferencial. Eu cheguei a usar o serviço de trânsito no Brasil (enquanto estava ativo), nos EUA e na Europa. É super bom ter o trânsito no GPS!!!

      Excluir
  29. onde consigo realmente comprar um gps tom tom 335 pois todos os sites de venda estao com o produto esgotado. agradeço desde ja a informaçao.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caro Anônimo, não vendo produtos. Não sei dizer. Espero que encontre pois é uma ótima marca. Abs

      Excluir
  30. Flávio, muito bom dia.
    Me encantei com o recurso de mudança de faixa e comprei um Garmin Nuvi 40. É show de bola ver aquelas placas de transito verdes e com cores diferentes aparecer igualzinha na tela do GPS mandando você pegar uma saída. O problema é que, de vez em quando meu aparelho trava. Já troquei e o novo continua com o mesmo problema. O primeiro eu atualizei (na primeira semana, dentro do prazo de 90 dias após o primeiro uso), este segundo, deixei sem atualizar e está com o mesmo defeito. Fiquei tão chateado que nem quero consertar. Quero trocar por um Tom Tom, mas agora com essa de informação de transito (upgrade interessante para mim que rodo o Rio de Janeiro quase todo) descontinuada pela Tom Tom fico receoso. Não quero comprar um aparelho antigo, daí, pergunto: qual modelo Tom Tom mais recente lançado no Brasil (porque não achei os aparelhos em loja física nenhuma, dizem que o representante Tom Tom no Brasil "sumiu")?
    Se puder responder no meu e-mail fico agradecido e certo de que vou continuar colaborando com teu blog.
    Abraço, Silvanio.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Silvanio muito obrigado por seu depoimento e por visitar o meu site/blog! De fato o TomTOm está temporariamente sem as informações de trânsito, mas a presença no Brasil permanece uma vez que recém publiquei um texto sobre o relógio para corredores da Nike (Nike+ GPS) que usa tecnologia TomTom e eles me deram um feed back sobre o texto, que significa que há TomTom no Brasil, nunca deixaram o país. Não sei te dizer qual o modelo mais novo, mas vou procurar me informar. Grande abraço

      Excluir
  31. Flávio, pelo amor de Deus!! me ajuda!
    Comprei um Tomtom 1400T, porém não consigo atualizar o mapa.
    Ainda estou no tempo de atualizar gratuitamente.
    Para melhor saber, eu já baixei o software e fiz cadastro no site e tudo.
    Mais o computador nao reconhce o tom tom.. oq eu faço?
    O tomtom não fica "on" no sotware...
    liga pra mim.. ou me manda email
    12 88324703
    homero.mota@haldex.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caro Homero, o suporte da TOMTOM teria mais condições de ajudá-lo. De toda forma lembro que você pode tentar outras portas USB de seu computador e que após conectar o GPS você deve ligar o aparelho para ele ser reconhecido pelo software.

      Excluir
  32. Boa tarde Flavio.

    Comprei o gps TOM TOM no walmart cujo anuncio é o VIA 1400T. Quando recebi estava escrito na caixa de embalagem VIA 1400 Brazil Prime. Minha duvida é se este é mesmo é o VIA 1400T. Pergunto porque quando clico em Trafego em MENU Principal\Serviços\ é informado a seguinte mensagem: Conecte um receptor de tráfego RDS-TMC da Tom Tom ao seu equipamento de navegação para receber informações de tráfego atualizadas.
    Essa referencia VIA 1400T, esse T seria referente ao T de trafego?? Grato e no aguardo do esclarecimento.//Erneston

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caro Erneston, nesta mesma discussão você pode ver nos comentários anteriores que momentaneamente a TOMTOM está SEM o serviço de tráfego no Brasil. Quando eu testei tinha o serviço, mas depois eles tiveram a interrupção do contrato com a empresa que provia este serviço. E o tal Receptor RDS-TCM é o próprio carregador veicular (aquele que pluga no acendedor de cigarros do carro).

      Excluir
  33. Também comprei um no WalMart e recebo a mesma mensagem. Realmente não recebemos esse receptor junto com o aparelho.

    Descobri agora que isso ocorre pois a Tom Tom não tem mais contrato com alguma empresa que forneça informações de trânsito em tempo real.

    Interessante é que no site do WalMart e também no site da Tom Tom não consta essa informação - lá fala que o recurso funciona normalmente (foi o que me fez comprar o aparelho).

    Ou seja, ao invés de avisar os consumidores que o recurso está indisponível (isso já faz um bom tempo) eles simplesmente resolveram tirar o receptor do kit e economizar um pouco.

    Lamentável, não esperava isso de uma empresa como a Tom Tom.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. CAro Anônimo o tal receptor é o próprio carregador veicular.
      E faz uns meses que o serviço está inativo no Brasil. A WallMart não informar isso é mesmo muito chato. O serviço vai voltar, mas não tem data certa.

      Excluir
  34. Oi Flavio, tudo bem?

    Por favor, tira uma dúvida para mim? O meu tomtom 1400T não está carregando dentro do veículo e li no seu relato que inicialmente o seu apresentou o mesmo problema.
    Como você resolveu? Precisou trocar o cabo / adaptador USB? Ou foi só acertar o encaixe?

    Obrigada!
    Brubs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Brubs penso que pode ser o encaixe. Inclusive eu tenho um pequeno adaptador USB para carros com saída USB que com um cabo comum consigo também usar no carro. Como no momento as informações de trânsito estão indisponíveis não tenho usado o carregador veicular da TomTOm e sim este meu pequeno adaptador USB para carro o qual uso para o GPS e para dar uma carga extra no meu celular quando necessário. Você pode tentar algo assim e se resolver é o seu fio original da TomTom que está com defeito.

      Excluir
    2. Obrigada pelas respostas Flavio! =)
      Brubs

      Excluir
  35. Ah, a propósito, muito boa a sua avaliação! Eu nem sabia que esse modelo tem receptor de trânsito (mesmo que agora não funcione por aqui), acabei de descobrir essa!

    Obrigada,
    Brubs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu Brubs! E um dia volta a funcionar como já funcionou antes!! Abraços

      Excluir
  36. Boa tarde, Flávio

    O meu é um via 1400T (Start 20). o meu problema é com atualização dos radares, sempre que eu adiciono um novo radar ele não aparece novamente. Entrei em contato a Tomtom na página do Facebook e me informaram que todos os radares adicionados tem que primeiro ser auditados pela tomtom e só depois aparecem, porém isso deve demorar meses. Na própria resposta me deram uma dica de atualizar com um arquivo do maparadar, porém o problema é que esse modelo não deixa aparecer as pastas no pc. Pelo menos no meu eu não tenho acesso, só pelo mytomtom, mas aí não dá pra atualizar os radares que são muitos. Você saberia me falar como eu faço para atualizar?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caro Daniel Moretti, eu tive a mesma dificuldade que você. No MyTomTom aparece alguma coisa de atualização de radares, mas parece ser um serviço pago à parte. Mas pelo menos as atualizações da comunidade, que tem que ser homologadas (é mais seguro assim) deveriam poder ser compartilhadas...

      Excluir
    2. Pois é... eu entrei em contato com a Tomtom e disseram que a base de radares muda a cada semana. Afirmei a eles que não e na resposta admitiram que o serviço de radar da Tomtom é precário no Brasil e por isso é gratuito. Mandei a mesma opinião sua sobre as atualizações da comunidade ou pelo menos que ficasse registrado no meu gps os que eu já registrei.

      Excluir
    3. DAniel eu concordo. Se tem as atualizações da comunidade, essas deveriam ser rapidamente compartilhadas. A verificação é importante, mas quem será que faz isso e como faz? Será que por isso que está demorando?? Ótimo 2013! Abs

      Excluir
  37. Flavio Boa noite,
    Queria uma ajuda sua, estou com o mesmo gps que você testou e não consigo configurar o sistema de transito quando coloco o RDS-TMC ele fica procurando uma estação de radio mais não acha nada no automático, você por favor poderia me dizer como conseguiu?
    Sou de São Paulo - capital
    Att, Lucas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caro anônimo como disseram as pessoas nos comentários acima a TomTom está sem o provedor de serviço de trânsito no Brasil há alguns meses e por isso a valiosa informação não está funcionando... Pena, espero que resolvam.

      Excluir
  38. Olá galera!estou com o mesmo problema que nosso amigo acima...adquiri recentemente no Walmart o 1400 no qual veio na caixa a descrição Via Brasi Prime,o mesmo não vem com o receptor TMC,o carregador relatado pelo nosso amigo acima não é o mesmo,entrarei em comtato com o vendedor e posteriormente com a tomtom pois isso trata - se de fraude com certeza,pois a descrição na venda relata que o mesmo possui a função.Tenho uma experiência muito grande com a Tomtom pois tive vários aparelhos da marca (XL,GO740 que ainda possuo),em navegaçao para automóveis é um exelente aparelho só que pecaram nesta situação que relatei acima.Obs:o cabo do sistema tmc tem uma saliência em umas das extremidades onde se encontra o TMC.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pelo relato Wesley!! Possivelmente a empresa para diminuir seus custos, como está sem o serviço de trânsito está entregando o cabo comum mini USB apenas para recarga da bateria sem a função de trânsito. Uma pena e preocupante uma vez que se pararam de mandar o cabo certo... Será que volta o serviço?? E na caixa do VIA 1400 é citada a função de trânsito? Se cita e nem vem o cabo é um caso delicado!! Ótimo 2013! Abs

      Excluir
  39. Segue o link para vcs visualizarem o cabo TMC tomtom http://www.tomtom.com/pt_pt/products/accessories/antennas-receivers/traffic-receiver-9UUC.002.00.2/ um abraço a todos espero ter ajudado!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso mesmo, é esse o cabo mesmo!! Obrigado pela ajuda!! Abs

      Excluir
  40. Olá Flávio,

    Inicialmmente, parabéns pelo review, muito esclarecedor, porém sempre quis comprar um GPS que tivesse uma função em particular e gostaria de saber se esse me oferece esse tal função pois não vi comentário sobre isso.
    É o seguinte: você comenta sobre “rotas” planejadas (que podem ser ajustadas para quem está a pé e não de carro). Talvez seja isso o que eu procuro. O que eu espero de um GPS é que eu possa enquanto dirijo do ponto A ao B, "gravar" eu mesmo o meu trajeto. Ex: já sei o melhor caminho para meu fornecedor na Barra da Tijuca, então enquanto dirijo até lá eu gravo esse caminho e salvo, depois posso mandar meu funcionário para o mesmo local um outro dia, utilizando o MEU caminho e não o que o GPS indicaria. Espero que eu tenha sido claro em minha explicação. Essa Rota Planejada por acaso seria isso?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Anderson, obrigado pelo apoio ao meu blog e pelas suas palavras...
      Este tipo de "rota planejada" eu já vi tempos atrás, mas em GPSs diferentes, usados pelo pessoal que faz caminhadas, trilhas, etc. Eu não tenho certeza, mas acho que estes GPSs "urbanos" não dispõem deste tipo de recurso, ou pelo menos não que eu saiba, posso até estar enganado. Eu tenho um TomTom VIa 1400 e nunca achei, nem por acaso alguma função assim nos seus menus. Mas pode ter algum com este tipo de funcionalidade. Se eu estiver enganado e descobrir algo eu volto aqui e te conto! Abraços

      Excluir
  41. Flávio, Bom dia.

    Qual a melhor escolha o GPS TomTom XL LCD 4,3" ou o GPS Tom Tom VIA 1400T Tela 4,3".

    Ambos estão a venda no site do Wallmart por R$ 300,00.

    Obrigado. Douglas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caro Douglas, eu gosto muito do VIA 1400T, mas como ele perdeu as informações de trânsito (até que restaurem o serviço) , sendo assim o XL se equivale e este preço está bastante atraente para estes aparelhos. Abs

      Excluir
  42. Olá Flávio,
    pretendo fazer uma viagem para os EUA e estou em dúvida em qual tomtom devo comprar para auxiliar a levar rotas já prontas.
    Vi 4 modelos: XL 335, VIA 1400, VIA 1500 e VIA 1530.
    Alguma sugestão?
    Outra coisa: existe diferença entre XL e XL335?
    Obrigada desde já!
    Polyana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cara Polyana os GPSs comprados no Brasil não vem com o mapa dos EUA, tem que comprar no site. OS GPSs da série XL em princípio são mais sofisticados (e mais caroa), mas os VIA também são bons, tanto que eu tenho um VIA 1400 e estou super satisfeito.

      Excluir
  43. Olá, esse modelo identifica radares?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caro Anônimo, SIM tem os lembretes de radar, não é um detector e sim o GPS tem uma lista de radares conhecidos e a comunidade pode acrescentar novos que surgirem. Funciona bem!

      Excluir
  44. Olá Sr. Flávio.

    Tinha várias dúvidas sobre qual modelo adquirir da TomTom. Sem dúvidas, suas ricas informações me ajudaram a decidir.
    Parabéns pelo blog. Excelente e perfeito.
    Abraços
    Michel

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caro Michel muito obrigado por suas palavras sobe meu trabalho e meu site.
      Há muitos modelos, muitos recursos e muitos preços. Mas penso que o custo benefício desse VIA 1400 é muito bom!!

      Excluir
  45. Gostaria de saber onde comprar o receptor de radio para o tom tom via 1400.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caro amigo com certeza a TomTOm tem lojas de acessórios (veja no site deles), mas convém lembrar que até onde eu sei a TomTom continua SEM o serviço de trânsito no Brasil desde que o parceiro acabou com a prestação deste serviço.

      Excluir
  46. Olá, estou morando em São Paulo e fico completamente perdida nesta cidade. Eu preciso comprar um GPS mas nao sei qual tem o melhor custo beneficio para mim. Qual é a diferença entre os modelos do tomtom VIA e do GO?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cara Anônima minha opinião é meio viciada pelos meus critério. Eu prefiro um GPS pequeno, que caiba no bolso como os da série GO a alguns da série VIA. TEnho um desses VIA 1400 e adoro. Para ser perfeito só falta voltar a funcionar as informações de trânsito.

      Excluir
  47. Olá Sr. Flávio.
    Sou de SP capital, quero comprar um GPS e gostaria da sua ajuda.

    o que eu busco em um GPS é a melhor precisão das rotas, qualidade de sinal, e de alerta de radares e que eu possa atualizar gratuitamente as informações de novos radares; e principalmente, a velocidade no cálculo da rota quando você erra a entrada.

    Não me importo se cabe no bolso ou não, pois só irei usá-lo no carro.

    O senhor saberia me indicar um GPS que atenda essas minhas necessidades principais?

    Parabéns pelo blog!

    Obrigado,

    Renato.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caro Renato obrigado pelas palavras de apoio!! São muitas opções. O TomTOm que cito neste texto tem sido o meu GPS e tem me atendido nestes pontos que falou. Apenas para a atualizar mapa e radares tem que comprar anualmente da TomTOm ou fazer o download das informações da comunidade (gratuito). Abs

      Excluir
  48. Flavio, gostaria muito de um gps que tivesse comando de voz e informacao de transito em tempo real. pelo que pesquisei, a serie VIA da tomtom tem um ou outro recurso no 1400T ou no 1530. moro no rio. será que o recurso de inf. de transito volta? senão ja escolho pelo 1530. ou será que temos no mercado outra opção mais barata de qualidade com tais recursos?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho que volta sim. Eles sabem o quanto isso é um diferencial de mercado. Está demorando mais do que deveria!!

      Excluir
  49. Flavio, parabéns pelo Review!

    Uma duvida, as informações de transito ainda não voltaram a funcionar? Atualmente tem algum bom equipamento com este recurso? O Via 1400 está com ótimos preços nos sites de venda.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ainda não... É uma pena!! Mas vai voltar!!

      Excluir
  50. Olá Sr.Flavio estou na duvida pois tenho as seguintes opções para a compra: Gps Tomtom Via 1400 T ou Gps Tomtom Xl 550 Tela 5'. Gostaria de saber qual é melhor? "Pós e Conta de cada um? Gostaria de saber se os 2 tema função de identificação de radar (quando o sistema na tomtom não identifica o radar por algum motivo ex: radar novo ou até me estradas com pouco movimento posso "marcar" o radar naquele local. Pois tenho um tomtom XL 310 Canada tem está ultima função que é excelente que é muito bom para meu uso particular mas estou tendo a oportunidade de adquirir um dos 2 modelos citados acima.Peço a gentileza se possivel enviar no meu imal:Meu imail é juniormendes2002@ig.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Junior, radar os dois têm. Pessoalmente eu prefiro GPS com tela pequena, que cabe no bolso e por isso, apenas por isso escolheria o 1400T.

      Excluir
    2. Você pode marcar o radar ou assinar um serviço que te permite fazer downloads de tempos em tempos de novas marcações.

      Excluir
  51. Boa tarde Sr. Flavio! Adquiri o Via 1400" t" só que tem itinerarios que o aparelho não faz, no resumo de percurso aparece"Nenhum percurso possível". Liguei no 0800 da tomtom e a recepcionista falou que vou ter que comprar um mapa novo para realizar o teste. O aparelho está fora da garantia pois comprei de um amigo com nota fiscal tudo certinho. Será que tem alguma forma de resolver o meu problema ou o senhor acha viável devolver o aparelho?
    Att,

    Junior

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caro Junior não sei se entendi direito a sua dúvida ou problema em relação a itinerários. Os mapas contidos dentro do aparelho, se você escolher um ponto de destino ele vai com certeza te mostrar e criar a rota direitinho. Abraços

      Excluir
  52. Bom dia Sr. Flavio! Hoje liguei novamente no 0800 da tomtom e fizeram alguns procedimentos e o aparelho está funcionando normal! Acho que a 1ª atendente (faltou conhecimento técnico por parte dela?). Um duvida que gostaria de tirar é o seu Gps Via 1400 "t" fica sem sinal por alguns segundos? Pois meu antigo Gps "XL" não ficava com perda de sinal com tanta frequência! Tenha um ótimo feriado!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caro Junior que bom que conseguiu e deu certo utilizar o GPS.
      Queda de sinal é rara, mas em dias muito nublados e em baixo de árvores às vezes o sinal pode ser perdido. Em garagens e túneis o GPS não funciona mesmo. Abraços

      Excluir
  53. Sou Carlos Eduardo

    Boa tarde, Flavio meus parabéns pelo blog!

    Gostaria de saber sua opinião estou na dúvida de comprar um GPS, escolhi os modelos Tomtom Via 1400 e o XXL 540. Qual é o melhor?

    Estou aguardando sua resposta

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pelas palavras!!
      Eu gosto de GPS pequeno, que cabe no bolos e tem tudo que preciso. O VIA é assim. Já se você prefere tela maior o 540 é indicado!! Abs

      Excluir
  54. Boa tarde, estou com uma duvida enorme,
    em relação a 2 modelos que são VIA-1530 e XXL-540S
    Tenho carro que não possui Bluetooth e Penso que este
    recurso talvez seja interessante, poder atender ligações pelo viva-voz
    Por outro lado, vi que o 540 tem uns esquemas novos de atualização pelo
    computador chamado TOM TOM Home, nunca fiz uma atualização de um GPS na vida, não sei se é muito difícil, mas também penso que manter sempre o GPS atualizado é uma boa... por questões de mudança de direções de vias e aquela coisa toda. O que fazer nesta situação..?
    Parece-me que o 540 é mais fácil de atualizar.. porem fico sem os recursos de atender telefonemas por viva-voz e tudo mais..
    Qual será melhor escolha ??
    Obrigado..

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caro Mauro os recursos extra do 540 são ótimos. Mas no MEU CASO não dou muita bola para eles, pois no dia a dia não os utilizaria.
      Manter o GPS atualizado é super fácil tanto com VIA como com o 540, basta conectar via USB e seguir o software de cada um deles.
      E tem uma atualização que é SUPER IMPORTANTE, que é a do GPS QUICK FIX. Trata-se de uma atualização SEMANAL (não precisa fazer toda semana mas esta disponível) que "ensina" para o aparelho quais são os satélites mais próximos neste momento e dessa forma acelera "pegar o sinal". Com qualquer um dos dois, tenha o hábito de fazer as atualizações.

      Excluir
  55. Todos os modelos Via da Tomtom vem com dados de trânsito?

    Obrigado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caro Artur apenas alguns modelos tem dados de trânsito. Mas se você leu os comentários acima verá que o pessoal está bravo porque a TomTom não conseguiu renovar o contrato com a empresa que prestava as informações de trânsito para os GPSs e por isso este serviço está desativado!!! Eles dizem que vão ter outra empresa para voltar o serviço, mas está demorando. Abs

      Excluir
  56. Gosteu muito do Aparelho, porem a maior dificudade que encontrei, além da atualização que um fica mencionando Home outro MyuDrive, bla, bla, etc, é que não consigo colocar a Rota que eu desejo, e não deixar apenas que o aparelho sugira um caminho ou outro alternativo que apenas ele escolhe, ai voce me pergunta pra que GPS se já sei o caminho, não é isto !!!, o interresante de você ir indicando o caminho para traçar a Rota, é ter uma ideia de Cudto, tempo e demais informações.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Moises!! Já passei por isso. Este aparelho não tem uma solução "formal" para este problema, mas eu resolvi de outra forma. Eu identifiquei 3 pontos intermediários do trajeto e em casa "fingi" que iria para cada um destes pontos. Na hora de "navegar" eu escolhi entre os "DESTINOS RECENTES" o primeiro ponto, ao chegar lá escolhi o segundo e depois o terceiro. Assim eu evitei do GPS me mandar por uma auto estrada e pude escolher um caminho por uma estradinha bem mais legal para uma viagem de f'érias.

      Excluir
  57. Comprei um tomtom 5150 PROTRUCK , não consegue reconhecer as localidades atraves do codigo postal, e já fiz a actualização de mapas, será que nos podem ajudar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caro Anônimo. O modelo que você citou não foi nenhum dos que eu testei. Não conheço este 5150. A própria Tomtom deve te dar este suporte. Abraços

      Excluir