sexta-feira, 14 de dezembro de 2018

PAPOFÁCIL #296 Dell EMC Programa Dell Expert Network auxilia PMEs

Luciane Dalmolin, Diretora de Vendas Pequenas Empresas, explica como evoluiu o programa que nasceu no Brasil e daqui para o mundo,  para apoio a consultores de TI que atendem pequenas e médias empresas que agrega a partir de agora a possibilidade de cursos online, exames de certificação que habilitam o consultor a usar o nome Dell em seu relacionamento com clientes e acumular pontos e benefícios.

Gravado dia 13/12/2018 na Dell EMC 

PAPOFÁCIL #296 Dell EMC Programa Dell Expert Network auxilia PMEs








Dell amplia programa de relacionamento com
consultores de TI para PMEs

  • Programa Dell Expert Network reúne 4 mil consultores de TI em todo o Brasil e está com inscrições abertas para novos membros
  • Além de contar com um programa de relacionamento, os consultores de TI têm atendimento exclusivo e prioritário, acesso à treinamentos e certificações e um programa de recompensas




A Dell anuncia a ampliação do programa Dell Expert Network (anteriormente conhecido como Dell Experts), uma iniciativa voltada a estabelecer uma rede de relacionamento com consultores autônomos de TI. Com as novas vantagens, o programa inclui a abertura de um canal exclusivo de atendimento, acesso às ferramentas avançadas de suporte, além de treinamentos e certificações das  soluções de tecnologia da Dell e de parceiros. Além disso, a iniciativa, que tem hoje uma rede de 4 mil consultores, com foco no mercado de pequenas e médias empresas (PMEs), está com inscrições para novos consultores que queiram aderir ao programa.

Pela primeira vez na história do programa no Brasil, os consultores de TI receberão uma certificação que capacita os participantes nas soluções e portfólio Dell, além de possibilitar acesso a ferramentas de suporte e auto-gestão do parque de TI de clientes do segmento de pequenas empresas. Para obter o certificado, os participantes deverão concluir um programa de treinamentos técnicos estabelecido pela Dell.

Os consultores membros do programa também terão acesso a uma equipe de atendimento exclusiva dentro da Dell, com especialistas que ajudam na elaboração dos projetos de seus clientes finais. O objetivo é, por meio de um atendimento personalizado, agilizar o tempo de resposta aos clientes e garantir mais eficiência e qualidade na entrega das soluções de TI da Dell para o segmento de PMEs. O Dell Expert Network  prevê ainda um programa de pontuação, no qual as  recomendações realizadas pelos consultores dão direito a pontos, que podem ser trocados por prêmios, como notebooks, desktops, acessórios, entre outros.

“O consultor de TI  tem uma influência grande na evolução da tecnologia em pequenas e médias empresas no Brasil. Por isso, estamos ampliando o Dell Expert Network com o objetivo de auxiliar esses profissionais com as ferramentas necessárias para que eles consigam impulsionar o sucesso dos seus clientes por meio da tecnologia “, explica Luciane Dalmolin, diretora para pequenas empresas da Dell no Brasil. A executiva reforça ainda que, por conta do sucesso da iniciativa que foi lançada no Brasil em 2011, a Dell está implementando o programa globalmente.
  
Para participar do Dell Expert Network os interessados devem se cadastrar diretamente no site www.expertsfidelidade.com.br ou pelo telefone 0800-722-3437. Todos os cadastros passam por um processo de análise, para identificar se o profissional atende aos pré-requisitos do programa.  
Sobre a Dell  
Com desktops, notebooks, notebooks 2 em 1, thin clients, workstations, monitores e soluções de segurança e serviços reconhecidos com premiações em todo o mundo, a Dell está posicionada para potencializar a produtividade da força de trabalho atual com recursos tecnológicos que permitem uma colaboratividade a partir de qualquer lugar e em qualquer horário. Parte da Dell Technologies, a Dell atende desde usuários domésticos até empresas de todos os portes em mais de 180 países, com o portfólio mais completo e inovador da indústria.

quinta-feira, 13 de dezembro de 2018

PAPOFÁCIL #295 UOL DIVEO Lei de Proteção de Dados, como lidar com ela

Gil Torquato, CEO, explica a Lei Geral de Proteção de Dados, que como ele diz "veio em boa hora", suas necessidades e consequências para as empresas e como a UOL DIVEO vem trabalhando para apoiar e auxiliar nos processos de custódia segura das informações, na inviolabilidade, no mapeamento de permissões seletivas  e na auditoria periódica do cumprimento dos termos da lei.

Gravado dia 12/12/2018 no UOL DIVEO 

PAPOFÁCIL #295 UOL DIVEO Lei de Proteção de Dados, como lidar com ela







quarta-feira, 12 de dezembro de 2018

PAPOFÁCIL #294 SUSE amplas soluções para datacenter e processamento corporativo

Aslan Carlos, Engenheiro de Sistemas, explica os diferentes serviços que existem no SUSE Linux, capacidade de trabalho bi-modal, forma tradicional ou usando containers para organizar o processamento em módulos escaláveis e que podem estar on-premise ou na nuvem, isso tudo rodando em aparelhos diminutos usando tecnologia ARM, nos tradicionais x86, mainframe e IBM Power.

Gravado dia 10/08/2018 na SUSE  

PAPOFÁCIL #294 SUSE amplas soluções para datacenter e processamento corporativo








SUSE pavimenta o caminho para transformação de TI na era de “tudo definido por software”

SUSE Linux Enterprise 15 é o novo sistema operacional multimodal que conecta tecnologias tradicionais de data center à infraestrutura definida por software

SUSE, pioneira em software open source, anuncia hoje o lançamento do SUSE Linux Enterprise Server (SLES) 15SUSE Manager 3.2 e SUSE Linux Enterprise High Performance Computing 15. O foco da empresa com as novas soluções é permitir que seus clientes acompanhem o ritmo de inovações tecnológicas da atual era de transformação digital, atendendo às necessidades de uma TI multimodal.

A SUSE continua a contribuir com as organizações a se transformarem e se adaptarem com soluções de entrega de aplicativos e infraestrutura definida por software. Isto permite que as operações de TI e a metodologia DevOps atendam às demandas dos negócios digitais que exigem maior agilidade e menores custos.

“À medida que organizações em todo o mundo transformam seus sistemas corporativos para adotar tecnologias modernas e ágeis, múltiplas infraestruturas para diferentes cargas de trabalho e aplicativos são necessárias”, diz Thomas Di Giacomo, CTO da SUSE. “Isso geralmente significa integrar plataformas baseadas na nuvem em sistemas corporativos, mesclando desenvolvimento em container com desenvolvimento tradicional ou combinando aplicativos com microsserviços. Para unir a infraestrutura tradicional à definida por software, a SUSE criou um sistema operacional multimodal, o SUSE Linux Enterprise 15”.

SUSE Linux Enterprise 15
SUSE Linux Enterprise 15 é um sistema operacional modular moderno, que ajuda a simplificar a TI multimodal, torna a infraestrutura de TI tradicional mais eficiente e fornece uma plataforma bastante atrativa para os desenvolvedores. Como resultado, os clientes podem facilmente implantar e fazer a transição de cargas de trabalho críticas para os negócios em ambientes de nuvem privadas e públicas.

A plataforma SUSE Linux Enterprise 15 usa uma “base de código comum” para garantir a mobilidade de aplicativos em ambientes de TI multimodais. A arquitetura Modular+ da SUSE aborda novos desafios que os clientes enfrentam na busca de inovação para a infraestrutura de TI tradicional existente, com objetivo de torná-la mais eficiente.

Com foco na comunidade de desenvolvedores, o SUSE Linux Enterprise 15 acelera a transição corporativa de uma assinatura gratuita do desenvolvedor ou das configurações da comunidade Linux (openSUSE Leap) para desenvolvimentos de Linux empresarial totalmente suportados.

SUSE Manager
Criada para Linux, a versão mais recente do SUSE Manager oferece novos recursos focados na redução de custos, melhoria de eficiência da metodologia DevOps e no fácil gerenciamento de grandes e complexas infraestruturas de IoT, nuvem e containers.

A solução SUSE Manager 3.2 ajuda os clientes a melhorar a eficiência da metodologia DevOps e atender aos requisitos de conformidade com uma única ferramenta que gerencia e mantém desde dispositivos periféricos até ambientes de clusters Kubernetes.

Alta Disponibilidade
As empresas estão reconhecendo que uma infraestrutura de computação de alto desempenho (HPC) é vital para suportar as análises avançadas – como Inteligência Artificial (IA) e machine learning – e simular aplicativos futuros. Em resposta, a SUSE lança o SUSE Linux Enterprise High Performance Computing 15 como um produto à parte para atender este crescente mercado. Ele inclui um conjunto abrangente de ferramentas especificamente projetadas para o ambiente de computação paralela, incluindo carga de trabalho e gerenciamento de cluster.

Com ênfase arquitetural em construir conexões, a SUSE reconhece a necessidade das organizações na proteção de seus investimentos atuais em TI, ao mesmo tempo em que transformam e modernizam a infraestrutura. O lançamento destes produtos reforça essa visão, capacitando e ajudando as empresas a serem bem-sucedidas em sua jornada de transformação de TI, cada uma em seu próprio ritmo.

Parceiros no SUSE Linux Enterprise 15
“Saudamos sinceramente o lançamento do SUSE Linux Enterprise Server 15. Por meio de nossa proximidade e parceria estratégica, SUSE e Fujitsu colaboram para aprimorar a computação de missão crítica e em nuvem híbrida. A integração do SLES 15 com o hardware, o software e os serviços da Fujitsu garante maior desempenho, trazendo ainda mais confiabilidade e segurança ao ambiente operacional. Tenho certeza de que nossa colaboração contribuirá para operações estáveis e sustentáveis nos sistemas de nossos clientes”, detalha Kenji Kaneshige, vice-presidente da Divisão de Desenvolvimento Linux da unidade de Negócios de Plataforma de Software da Fujitsu Limited.

“Os clientes buscam a Huawei como uma provedora de soluções estratégicas para auxiliar a transformação digital e trazer sucesso a seus negócios. Conseguimos isso fornecendo plataformas de computação eficientes, inovadoras e confiáveis, e promovendo um ecossistema colaborativo. A combinação do Huawei FusionServer com o SLES 15 prepara a infraestrutura atual dos clientes para as necessidades futuras de um mundo digitalmente conectado. A sinergia entre SUSE e Huawei produz as melhores soluções para os clientes aplicarem a todas as cargas de trabalho”, relata William Dong, vice-presidente de Vendas de Soluções de Marketing da Huawei Enterprise Business Group.

“A Lenovo está entusiasmada pela parceria com a SUSE, destinada a ajudar clientes na criação de data centers definidos por software e aplicações futuras por meio de nossos servidores ThinkSystem. O SUSE Linux Enterprise 15, com os nossos servidores, representa um ambiente baseado em práticas recomendadas para um conjunto diversificado de cargas de trabalho de missão crítica, análise e alto desempenho. Usando o SLE 15 junto aos servidores ThinkSystem, nossos clientes obtêm uma plataforma segura, ágil e robusta, que os prepara para a próxima onda de ambientes definidos por software”, revela John Majeski, líder de software e soluções do Data Center Group da Lenovo.

O SUSE Manager 3.2 já está disponível e o SUSE Linux Enterprise 15 estará disponível em meados de julho. As imagens do SUSE Linux Enterprise Server 15 e do SUSE Manager 3.2 também estarão disponíveis na Amazon Web Services, Google Cloud Platform e Microsoft Azure.

Sobre a SUSE
A SUSE, pioneira em software open source, fornece soluções confiáveis e interoperáveis de Linux, infraestrutura de nuvem e armazenamento que dão às empresas maior controle e flexibilidade. Com mais de 25 anos de excelência em engenharia, um serviço excepcional e um ecossistema de parceiros sem igual, a SUSE fornece produtos e suporte que ajudam os clientes a gerenciar a complexidade, reduzir custos e fornecer serviços essenciais com confiança. Os relacionamentos duradouros que a companhia construiu permitem adaptar e entregar a inovação mais inteligente que os clientes precisam para ter sucesso hoje e amanhã. Para obter mais informações, visite www.suse.com.

terça-feira, 11 de dezembro de 2018

PAPOFÁCIL #293 Zoox Smart Data captura, enriquecimento e inteligência das informações

Rafael Albuquerque, CEO e Fundador, conta a evolução da empresa que foi reinventada três vezes e que atualmente reúne captação de informações via WiFi, imagens e cadastro espontâneo, enriquecimento dos dados via processos de inteligência artificial, proporcionando autenticação em inúmero locais que usam o serviço agregando informações de mercado muito ricas, sem violar privacidade dos usuários.
 
Gravado dia 22/11/2018  


PAPOFÁCIL #293 Zoox Smart Data captura, enriquecimento e inteligência  das informações









Zoox muda de nome e expande atuação para varejo e transportes
Empresa passa a se chamar Zoox Smart Data e amplia presença para além do segmento de hotéis

A Zoox, empresa de alta tecnologia pioneira na aplicação de soluções integradas de inteligência artificial, machine learning e big data, anuncia a mudança do nome para Zoox Smart Data e a expansão de sua atuação para novos mercados além da hotelaria, como transportes e varejo.

“Vislumbramos a oportunidade de utilizar o wi-fi não apenas como atividade-fim, mas um meio para capturar informação, interagir e gerar audiência – não apenas para o setor hoteleiro, como também para o varejista e em aeroportos, ônibus, metrôs e estações”, explica Rafael Albuquerque, fundador e CEO da Zoox Smart Data.

A escolha do novo nome reflete o reposicionamento da Zoox e expressa de forma clara a nova visão estratégica da companhia combinada com a experiência consolidada em segmentos complexos da economia. “Estamos extremamente entusiasmados por anunciar o novo nome da nossa empresa, naquele que é mais um passo no nosso caminho de transformação”, afirma Albuquerque. “O que sempre fez parte do nosso DNA e nos levou a patamares internacionais de atuação agora está no nosso nome”.

Para o fundador e CEO da empresa, a adição do termo “smart data” ao nome da Zoox tem origem no fato de que dados em estado puro são de pouca serventia: somente ao refiná-los é que eles se tornam relevantes. “Desde o nome da empresa quisemos destacar a importância de tratar dados para gerar insights. Acreditamos que o profundo conhecimento sobre o cliente pode contribuir de forma decisiva no crescimento do negócio”, ressalta Albuquerque.


Zoox Smart Data cria braço de mídia para atender o mercado publicitário
Zoox Media agora é a grande parceira de venda de mídia dos ônibus rodoviários do Grupo JCA, primeiro cliente da nova empresa no Brasil

A Zoox Smart Data, empresa de alta tecnologia pioneira na aplicação de soluções integradas de inteligência artificial, machine learning e big data, anuncia a criação da Zoox Media – braço da companhia responsável por realizar venda de mídia por meio do acesso ao wi-fi.

“Lançamos a Zoox Media para atender o mercado publicitário”, explica Rafael Albuquerque, fundador e CEO da Zoox Smart Data“Depois de ampliarmos nossa presença para além do segmento hoteleiro, com foco em setores como transportes, varejo e locais públicos, decidimos estender nossa atuação ao mercado de venda de inteligência de informação, publicidade e pesquisa.”

O principal objetivo da Zoox Media é a geração de receita adicional de forma compartilhada com os cerca de mil clientes da companhia, aproveitando a enorme audiência gerada por meio do Zoox Smart WiFi.

“A plataforma da Zoox Smart Data já gera audiência, então, pensando nisso, montamos uma estrutura que vai passar a transmitir anúncios de terceiros”, ressalta Albuquerque. “A mídia vai aparecer durante o processo de login de um hóspede ou passageiro, por exemplo, na rede wi-fi de um hotel ou ônibus, respectivamente.”

JCA: primeiro cliente da Zoox Media

Primeiro cliente da Zoox Media, a JCA – um dos maiores grupos rodoviários do país – fechou contrato com a Zoox Smart Data para instalar, até dezembro deste ano, wi-fi em 900 ônibus da frota do grupo composta por cinco empresas diferentes: Auto Viação 1001, Viação Cometa, Viação Catarinense, Expresso do Sul e Rápido Ribeirão, com grande cobertura nas regiões sul e sudeste do país.

Ao implementar a plataforma da Zoox Smart Data, a JCA terá uma gestão da internet de alto nível e melhor entendimento e identificação dos seus passageiros, assim como poderá veicular mídia: a Zoox Media foi contratada para administrar todo o trabalho de mídia do grupo.

“A JCA é hoje a primeira e única empresa de ônibus a fazer uma gestão de internet completa no Brasil”, comenta William Lustosa, diretor de Mídia da Zoox Smart Data. “Além de proporcionar maior conhecimento sobre os usuários por meio do sistema de wi-fi, seremos agora os responsáveis por liderar todo o processo de comercialização de mídia do grupo rodoviário. Por meio da nova ferramenta, a JCA vai passar a vender publicidade na nossa plataforma. Trata-se de uma inovação no setor”, acrescenta.

“A Zoox Media agora é o grande parceiro de venda de mídia dos ônibus da JCA”, afirma Rodrigo Trevizan, diretor executivo de Marketing do Grupo JCA. “A nossa mídia possui um grande diferencial em relação aos demais veículos pois unimos o contato presencial com o acesso à internet, garantindo possibilidades de mídia variadas, além do já conhecido envelopamento de ônibus, que funciona como um grande painel circulando pela cidade”, complementa.

Receita adicional

A parceria com a Zoox Smart Data permitirá à JCA fazer pesquisas com seus clientes, inserir propaganda de outras empresas que também queiram falar com os passageiros e, assim, gerar receita adicional, disponibilizando mídia em diferentes formatos dentro dos ônibus do grupo.

“Como a nossa expertise e capacidade de entender quem é o usuário são muito elevadas, acabamos apresentando produtos e serviços bastante adequados ao negócio dos nossos clientes, que podem gerar ganhos complementares”, enfatiza Lustosa.


Sobre o Grupo JCA
Importante agente de transformação do transporte rodoviário, o Grupo JCA conta com as empresas Catarinense, Cometa, 1001, Expresso do Sul e Rápido Ribeirão. O Grupo JCA possui posição de liderança no setor e é reconhecido pela sua história e tradição em evoluir. A frota das suas empresas possui: ônibus com poltronas reclináveis 180 graus; Wi-Fi a bordo; entrada individual para USB nas poltronas; e ar condicionado com controle de intensidade individual. A empresa também atua no transporte de encomendas.

Sobre a Zoox Smart Data
Fundada em 2010, a Zoox Smart Data é uma empresa de alta tecnologia pioneira na aplicação de soluções integradas de inteligência artificial, machine learning e big data, que interage, captura, enriquece e entende o comportamento de pessoas reais em espaços físicos por meio do wi-fi e de câmeras, gerando inteligência sobre os dados coletados para seus clientes.

segunda-feira, 10 de dezembro de 2018

PAPOFÁCIL #292 Intel uma empresa em transformação, dos PCs aos Dados

Maurício Ruiz, Diretor Geral, comenta sobre a transformação que a empresa que começou nos anos 70 fabricando memória, depois processadores para PCs, vem ampliando muito o portfólio focado em dados, IoT, Inteligência Artificial, comunicação 5G, armazenamento de alto desempenho e até GPU que chega em 2020. Além disso chega ao Brasil a 9a geração dos processadores Core X (i9, i7 e i5).

Gravado dia 28/11/2018  


PAPOFÁCIL #292 Intel uma empresa em transformação, dos PCs aos Dados








Intel Core i9-9900K de 9ª Geração bate recordes de overclocking
O profissional de overclocking Joe "Steponz" Stepongzi despejou cuidadosamente nitrogênio líquido sobre um processador Intel Core i9-9900K de 9ª geração durante uma demonstração na segunda-feira, 8 de outubro de 2018, durante o Fall Desktop Launch em New York. O i9-9900K usa uma frequência-base de 3,6 GHz, que quase dobra por meio do de overclocking, chegando a 7,1 GHz, em todos os núcleos com refrigeração extrema. (Crédito: Intel Corporation)

O Intel Core i9-9900K de 9ª geração quebrou 16recordes de benchmark, incluindo um mundial, durante a demonstração de overclocking extremo1 na semana passada no Fall Desktop Launch em New York. Os profissionais de overclocking Allen "Splave" Golibersuch e Joe "Steponz" Stepongzi usaram nitrogênio líquido cuidadosamente para resfriar o Intel® Core™ i9-9900K a temperaturas extremamente baixas – três dígitos abaixo de zero – e assim alcançar frequências e níveis de desempenho muito maiores que as especificações definidas para uso convencional. O Intel Core i9-9900K usa uma frequência-base de 3,6 GHz, que quase dobra por meio do de overclocking, chegando a 7,1 GHz, em todos os núcleos. Na demonstração, Golibersuch e Stepongzi fizeram o processador quebrar 15 recordes mundiais na categoria de oito núcleos e um novo recorde mundial no PC Mark 10 em todas as outras categorias de processador.
 
Os resultados serão oficialmente registrados no site de recordes HWBOT assim que os processadores Intel Core de 9ª Geração começarem a ser distribuídos. O HWBOT é uma plataforma líder para competição de overclocking que hospeda um banco de dados global de benchmarks para PCs com overclocking e tem uma comunidade on-line com média de 100 mil membros.

1Aviso: A alteração da frequência de clock ou da voltagem pode (i) reduzir estabilidade do sistema e a vida útil do processador e da memória; (ii) causar falhas no processador e em outros componentes do sistema; (iii) reduzir o desempenho do sistema; (iv) causar aquecimento extra ou outros danos; e (v) afetar a integridade dos dados do sistema. A Intel não assume nenhuma responsabilidade de que a memória, se usada com frequências de clock e/ou voltagem alteradas, será adequada a qualquer finalidade específica. Confirme com o fabricante da memória informações sobre garantia e outros detalhes.

Sobre a Intel

A Intel Corporation (NASDAQ: INTC) expande as fronteiras da tecnologia para tornar as mais incríveis experiências possíveis. Informações sobre a Intel pode ser encontrada em newsroom.intel.com, newsroom.intel.com.br e intel.com.